Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/11/20 às 14h57 - Atualizado em 19/11/20 às 15h02

DF Inova Tech entrega diplomas para alunos e lança 6 mil novas vagas para 2021

COMPARTILHAR

 

 

A secretária de Turismo do Distrito Federal, Vanessa Mendonça, participou nessa quinta-feira (19/11) da formatura dos alunos do programa DF Inova Tech, realizada no Salão Nobre do Palácio do Buriti. Na ocasião, foram lançadas 6 mil novas vagas para 2021.

 

Promovido por meio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do DF (Secti) e da Fundação de Apoio à Pesquisa do DF (FAP-DF), o programa é hoje o maior do Brasil na capacitação de jovens e trabalhadores de todas as idades para o mercado de trabalho. “Esse é o maior programa do país atualmente. Uma oportunidade para o mercado local. Fazendo girar a economia do DF, com inclusão digital, social e econômica”, afirmou o vice-governador do DF, Paco Britto.

 

Criado em 2019 pela Secti e pela FAP-DF, o DF Inova Tech é executado em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do DF (Senai-DF) e qualifica profissionais de 46 cursos em áreas como tecnologia da informação, automação industrial, telecomunicações, construção civil e energia. As primeiras turmas começaram neste ano e a previsão é que, em três anos, sejam qualificados mais de 45 mil profissionais. “O Distrito Federal caminha passos largos para o futuro. A formação tecnológica de jovens e trabalhadores tem sido nossa prioridade no GDF. O DF Inova Tech é um projeto revolucionário, que coloca Brasília no centro das políticas nacionais de capacitação profissional tecnológica. Essa é a melhor estratégia para reduzirmos o desemprego e aumentarmos a produtividade das empresas ao mesmo tempo. O DF está saindo mais uma vez na frente”, garante o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, Gilvan Máximo.

 

 

 

 

 

O diretor-presidente da FAP-DF, Marco Antônio Costa Júnior também reforçou a importância do projeto. “O Inova Tech oferece uma oportunidade única aos brasilienses e denota concretização da nossa missão institucional, pois com o apoio a esse programa fomentamos não apenas o desenvolvimento científico e tecnológico do Distrito Federal, mas podemos contribuir efetivamente para a geração de oportunidades, inclusão digital, social e econômica”, afirmou.

 

Presidente da Federação das Indústrias do DF (Fibra) e do Conselho Regional do Senai-DF, Jamal Jorge Bittar destacou o protagonismo do GDF na execução do projeto. “O Governo do DF e a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação assumiram um papel de protagonistas na formação profissional no DF ao criar o DF Inova Tech e vão obter resultados tanto na colocação de pessoas no mercado quanto na atração de investimentos”, avalia Bittar.

 

 

 

 

Moradora do Gama e estudante de web design pelo projeto, Mary Leal foi uma das alunas que recebeu o diploma durante o evento. “Estou muito feliz. Fiz o curso em três meses e quero me preparar para o próximo. Meu objetivo agora é fazer administração de dados”, comemorou a estudante, ao lado da secretária de Turismo, Vanessa Mendonça. “É muito bom ver os jovens se capacitando e olhando para o futuro. Nosso governador Ibaneis Rocha, junto com sua equipe, avança mais uma vez em uma importante iniciativa. A tecnologia e a economia criativa são fundamentais para mudarmos a realidade do DF, com mais pesquisa, mão de obra qualificada e desenvolvimento. E isso impacta todas as áreas do setor, como também o turismo, que, cada vez mais, pede soluções digitais capazes de oferecer novas experiências aos visitantes de nossa cidade”, conclui Vanessa.