Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/09/13 às 17h05 - Atualizado em 25/09/13 às 17h08

O Turismo de Brasília se beneficiará com os EBT’ s da Embratur no exterior

COMPARTILHAR

Unidades serão instaladas em países estratégicos para a promoção da cidade como destino turístico

A notícia de que o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur) irá inaugurar, até novembro deste ano, 13 Escritórios Brasileiros de Turismo (EBTs) contribuirá com a promoção da Capital Federal nos países prioritários, segundo o secretário de Turismo do Distrito federal, Luis Otávio Neves.

“A área de abrangência definida para atuação desses escritórios foi bem ampla e, na maioria dos casos, tem bases nos países que mais emitem turistas para Brasília, como Itália, França, Portugal e Argentina. Será mais um apoio que a Embratur nos dará na divulgação da capital brasileira”, afirmou o secretário.

De acordo com o projeto apresentado pelo Instituto, os pontos de promoção do Brasil no exterior serão instalados em Amsterdã (Holanda), Frankfurt (Alemanha), Madri (Espanha), Paris (França), Milão (Itália), Lisboa (Portugal), e Londres (Reino Unido) – na Europa.

Na América do Sul, haverá uma base em Buenos Aires para atender Argentina, Uruguai e Chile, e outra em Lima, onde serão realizadas atividades para atender Colômbia, Peru, Bolívia, Paraguai, Equador e Venezuela.

A América do Norte contará com bases em Nova York, Los Angeles e Chicago. Desta forma, poderão atingir 50 estados. Para o mercado da Ásia, o Escritório Brasileiro de Turismo terá como base a cidade de Tóquio (Japão).

“Nossa parceria com a Embratur já nos permitiu participar de feiras e eventos internacionais em quase todos os países que integram nossa lista de prioridades. Também já trouxemos muitos profissionais de ramos estratégicos para Brasília com o apoio do Instituto. Tenho certeza de que essa iniciativa só irá fortalecer nossa promoção enquanto destino e que serão grandes polos multiplicadores da nossa cultura e atrativos”, elogiou Neves.

Perfil – De acordo com pesquisa do Ministério do Turismo, os países que mais emitem turistas para Brasília são os Estados Unidos, Argentina, França, Portugal, Alemanha, República da Coréia, Colômbia, Itália, Espanha e Paraguai. O perfil do turista é formado por homens, que chegam à cidade por motivos de negócios e, nos momentos de lazer, procuram por atividades culturais. Esse público viaja sozinho e deixa, em média, U$ 126 por dia no destino. O tempo de permanência é de oito dias e a preferência de hospedagem é de hotéis, flats ou pousada.